Renata Venturini, blog: O vestido ideal para seu tipo de corpo!

Páginas

O vestido ideal para seu tipo de corpo!



Olá meninas, tudo bem?
Quando recebemos aquele convite de casamento ou formatura, a primeira coisa que nós pensamos é no que vamos vestir, não é mesmo? Ai começa a correria atrás do vestido dos sonhos! Mas às vezes os modelos que imaginamos nem sempre caem bem no nosso corpo, por isso vamos ajuda-las a identificar o seu biótipo e os modelos que o valorizam!

Prontas? Então vamos lá...


Vamos começar pelo formato ampulheta, que é o mais harmônico de todos. O formato é caracterizado pelos ombros e quadris do mesmo tamanho e a cintura é bem marcada. Para este tipo de corpo o ideal é usar peças que marquem a cintura e evitar peças que caem retas nessa região, deixando o corpo “quadrado”. Usar peças que valorizem a região do busto também é uma boa ideia!

Os melhores modelos: retos, ovo, corte em A, império (com pouco franzido), chemises retos, cortes com saia evasê e tubinhos.


Agora para as meninas de corpo retângulo, que é marcado pela cintura pouco definida e ombros e quadris quase com a mesma medida. O truque é usar peças que criem uma cintura e/ou também, peças que dão volume ao quadril, como saias volumosas. Para parecer que tem mais curvas as saias do tipo lápis e tulipa são uma ótima opção!  Outra alternativa é valorizar a região do colo, com decotes (V ou canoa), babados etc.

Os melhores modelos: retos, ovo, corte em A, império, balonê, kaftans, chemises retos e cortes com saia evasê.


E para quem tem o corpo em formato de triângulo invertido, ou seja, quando os ombros são maiores que os quadris. O truque para este tipo de corpo é usar vestidos que valorizem e deem volume para o quadril( vestidos evasê, godê), tirando à atenção dos ombros. Outra dica é usar vestidos que marquem a cintura! 
Evitar peças que chamem à atenção para os ombros como bordados, ombreira, babados etc.

Os melhores modelos:  retos, ovo, trapézio, império, balonê, kaftans, chemises retos e cortes com saia evasê.



Já o formato oval é aquele que a linha da cintura é a mais larga. Cuidado para não escolher peças justas ou largas demais! O ideal é escolher peças com tecidos maleáveis e fluidos em tons escuros. Aposte em decotes e peças que valorizem a área do colo ou canela, vestidos que marquem logo abaixo do busto ou vestidos que tenham detalhes na vertical, alongando a silhueta! 
 E nada de cintos! Um colar comprido é uma boa opção também.

Os melhores modelos: em tecidos maleáveis – retos, trapézio suave, império com pouco franzido, chemises retos e cortes com saia evasê.




O formato triângulo ou pêra é caracterizado por ter os quadris maiores que os ombros e a cintura marcada. 
Os vestidos mais indicados são aqueles em A, que vão ficando mais larguinhos em direção aos joelhos e a cintura é definida. Você pode também chamar à atenção para o tronco, com o uso de decotes, colares, lenços, ou então, usar vestidos com detalhes nos ombros para equilibrar a silhueta. Pode-se usar vestidos tipo império desde que não tenham muito franzido e os drapeados melhor deixá-los para detalhes nos bustos/ombros. Evitar vestidos tubinhos e afunilados.

Os melhores modelos: chemises cintados, tubinhos com saia reta, império com pouco franzido e vestidos com saia evasê.


Bem, agora que vocês já têm uma ideia de qual(is) modelo(s) valoriza(m) o seu tipo de corpo, corre aqui pro ateliê! Estamos cheia de novidades!
Qualquer dúvida comentem aqui embaixo ;)
Beijos e até a próxima! <3

Nenhum comentário:

Postar um comentário